Como Ganhar Dinheiro Online

Que produtos você deve vender numa cantina para ganhar dinheiro?

Se você já tem uma cantina escolar, deve estar pensando nas maneiras mais eficazes de melhorar seu lucro. Se você, por outro, está pensando em abrir uma cantina – ou já em vias de abrir, no meio da burocracia, deve estar se preparando para seu negócio.

Hoje em dia, vender comida nas escolas está mais complicado do que se imagina. Há alguns anos bastava você disponibilizar produtos muito atrativos para a criançada, em especial congelados e processados (que diminuem muito o risco de perder a validade e se tornar prejuízo), e esperar o lucro chegar.

Agora as coisas mudaram. Tanto por parte do governo e das escolas quanto dos pais e da população. Como o Brasil está dentro dos países que enfrentam problemas com obesidade, hipertensão, diabetes e problemas cardiovasculares ligados ao excesso de peso, a preocupação aumenta. E isso não é só com adultos – o número de crianças que estão obesas e/ou com sobrepeso já passa dos 30% em nível nacional. É realmente preocupante, pois o Brasil já foi um país de pessoas magras.

Por conta disso, a comida saudável está na moda. Além de estar na moda, está sendo exigida. Escolas estão banindo comidas não saudáveis e alimentos específicos, e até governos estão impondo leis. No Distrito Federal, por exemplo, já está em vigor a lei que proíbe certos alimentos e exige comida saudável nas cantinas escolares.

Agora os cantineiros (e futuros cantineiros) precisam pensar muito bem. Há, inclusive, cursos sobre nutrição infantil e pirâmide alimentar voltados especificamente para donos de cantina, comumente promovidos pelo Governo.

Não adianta mais vender uma porção de salgadinhos embalados, bolachas doces, chocolates, refrigerantes e salgados fritos. Veja aqui o que você deve levar em consideração ao escolher os alimentos a vender, e algumas sugestões.

– Pense no perfil da escola. Você deve ter bem em mente o perfil do consumidor, sempre. Qual a renda média das crianças na escola? Assim você consegue ter uma ideia de quais produtos elas costumam consumir fora da escola, que serão os mais prováveis que queiram consumir ali dentro. Isso, claro, vale principalmente para os embalados e com marca.

– Sempre leve em conta a pirâmide alimentar e os lanches sugeridos para crianças de acordo com a faixa etária. Assim você não só contribui para a saúde dos alunos, como garante que não fique em maus lençóis com a escola. Se a diretoria ficar muito insatisfeita com suas escolhas, se receber reclamações de pais, você pode perder seu posto – ou ter uma relação profissional muito difícil e ruim.

– Lanches naturais são ótimos para esse momento. São saudáveis, fáceis de montar, e você pode deixá-los prontos em filme pvc durante o dia, caso a demanda seja alta, ou montá-los no momento, para demandas mais baixas. É o que mais tem sido indicado nesse movimento.

– Você não precisa abrir mão dos salgados como coxinha, rissole, bolinhos e croquetes. Apenas garanta que eles sejam assados.

– Lanches, no geral, funcionam muito bem. Queijos quentes, mistos e outros sanduíches são populares, quentinhos e fáceis de fazer na hora. Opte por queijo branco, ofereça tomate e orégano para aumentar a nutrição.

– Sucos, de polpa e/ou naturais. Os sucos em polpa ficam geladinhos e duram bastante, já que são congelados.

– Já que muitos doces, como chocolates, são vetados, procure opções que as crianças adoram. Iogurtes são ótimos e saudáveis, assim como bebidas lácteas fermentadas (como Yakult) e pacotinhos de cereais matinais. Você pode até servir com leite.

– Opte por lanches que você mesmo pode fazer. Bolos leves e saudáveis, saladas de frutas e brigadeiros, omeletes; são todas opções que custam pouco no preparo.

– Barrinhas de cereais são consideradas saudáveis, estão de acordo com a pirâmide alimentar e são gostosas. Além disso são práticas e duráveis – é ótimo para alunos que queiram guardar na mochila para mais tarde.

– Faça a comida ser atraente. Especialmente em escolas com merenda – o lanche da cantina precisa ser, ao mesmo tempo, saudável e mais atraente que a merenda.

– Não se esqueça do marketing. Às vezes a propaganda é mais importante do que o produto em si. Saiba como vender seus produtos, especialmente os mais saudáveis.

Faça promoções, especialmente as que estimulem comprar mais. Combos e promoções de desconto (por exemplo, na compra de um pão de queijo e um suco, um deles sai X reais mais barato) são excelentes, pois promovem a compra sem reduzir demais seus preços.

– Invista em displays e vitrines. Olhar para um alimento pode fazer a criança ver como ele é gostoso, muito mais do que ler em um menu. Cartazes com fotos dos produtos ao lado do caixa servem bem, também.

– Faça algum curso de cantina saudável. Assim você saberá como bolar os melhores lanches e as melhores estratégias de venda de produtos naturais para crianças. Você também aprenderá sobre a pirâmide, tendo autonomia para escolher e criar seus próprios lanches. Não faltarão ideias para seu negócio prosperar!

http://blogempresa.com.br/como-ganhar-dinheiro-no-twitter/